NOVA ADMINISTRAÇÃO RECUPERA O SISTEMA TECNOLÓGICO DO HOSPITAL REGIONAL DE JANAÚBA

  • Rede de oxigênio estava comprometida há meses sendo necessária a transferência de pacientes da UTI para Montes Claros, nesta semana 

  • Foi consertado o compressor do sistema de oxigênio, danificado há 6 meses 

  • No sábado, 2 de janeiro, foi retirado ar condicionado da sala da diretoria para atender a necessidade na UTI 

  • Ações rápidas, inclusive no feriado de ano novo e no final de semana, que resultaram no funcionamento do tomógrafo, sem atividade há meses 

  • Está sendo consertado o raio-x e providenciando a instalação de um novo raio-x digital: Hospital contará com dois aparelhos em funcionamento 

  • Nova direção aluga 3 respiradores mecânicos e recupera parte dos 6 respiradores quebrados; Jaíba emprestou um respirador no dia 2 de janeiro de 2021 

Foto Ascom/PJ

Secretário de Saúde, Helvécio Albuquerque, juntamente com a Procuradora Jurídica do município, Núbia Bruno; vereador Ramon Alexandre, presidente da Câmara Municipal; e Capitão Rondinelli, do 51º Batalhão da Polícia Militar de Janaúba: Coletiva de Imprensa sobre ações para coibir aglomerações de pessoas e evitar o avanço de casos da Covid-19.

 

JANAÚBA – "Graças a Deus a normalização do serviço está se tornando minimamente adequada. O tomógrafo já está funcionando. Os aparelhos de raio-X também estão sendo ajustados para funcionar”, declarou o secretário municipal de Saúde de Janaúba, médico Helvécio Campos Albuquerque, em coletiva de imprensa nessa quinta-feira, dia 7 de janeiro, na apresentação do panorama da saúde no município, sobretudo no sistema hospitalar que atende também municípios da região da Serra Geral de Minas.

Juntamente com a nova administração do Hospital Regional de Janaúba e em parceria com o hospital da Fundajan, a Secretaria de Saúde e demais secretarias da Prefeitura de Janaúba desenvolveram ações emergenciais e preventivamente no sentido de adequar a operacionalidade do regional.

O parque tecnológico do Hospital Regional está sendo recuperado para atender minimamente a população. Todos os esforços tem sido feito, inclusive no feriado de ano novo e no final de semana prolongado, para superar as dificuldades deparadas diante da situação de colapso encontrada na unidade hospitalar.

Através desse trabalho eficiente e com coordenação, nessa sexta-feira, dia 7, já eram visíveis os resultados positivos: a rede de oxigênio foi resolvida e com oxigênio fluindo; tomógrafo funcionando. Está sendo providenciado para ainda nesta semana as condições de funcionamento de dois raio-x, um já usado e outro novo digital e moderno que não estava instalado. Com isso, o hospital passará a contar com dois aparelhos raio-x. O compressor, que há 6 meses estava quebrado, foi consertado e assim restabeleceu o sistema de oxigenação. Haviam 6 respiradores mecânicos quebrados. O município de Jaíba emprestou um respirador que foi instalado no sábado, dia 2 de janeiro, e se encontra em operação no Regional. A nova administração alugou mais 3 respiradores, em Belo Horizonte, que devem chegar ainda nesta semana. Também foram recuperados alguns dos respiradores ora encontrados sem condição de uso.

A nova administração do hospital deparou com uma situação grave. O secretário de Saúde informou na coletiva de imprensa que a equipe somente conseguiu "entrar" no Hospital Regional no dia 30 de dezembro, no período de transição, quando foi permitido o acesso. “Fomos surpreendidos por uma série de problemas internos. Falta de materiais médicos hospitalares em quantidade adequada para suprir as necessidades. O serviço radiológico sem funcionar, nenhum tipo de raio-x funcionando, nem o tomógrafo funcionando”, explicou Albuquerque ao acrescentar a constatação de problema na realização de exames laboratoriais, uma vez que no Hospital há apenas o posto de coleta.

Além disso, uma situação preocupante. Os médicos alertaram para o possível vazamento na rede de oxigênio que direciona para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), inclusive para a ala de tratamento contra a Covid-19, que funcionava sem ar condicionado e isso foi resolvido no sábado, dia 2 de janeiro, ao retirar o ar condicionado da sala da diretoria. Foi constatada o vazamento na rede de oxigênio, o que ocorria há mais tempo e vinha sendo cuidado de maneira paliativa pela administração anterior do hospital.

“Era uma situação extremamente grave, mas a nova administração do hospital conseguiu estancar o problema antes que o tratamento dos pacientes da UTI fosse afetado”, mencionou o secretário. No primeiro momento os pacientes foram remanejados para outro sistema de oxigenação, enquanto isso foi providenciada a troca de aparelhos e o conserto na rede de oxigenação.

Inicialmente houve dificuldades pelo fato de que no dia 31 de dezembro as atribuições ainda eram da gestão anterior, a passagem de ano, o feriado do dia 1º de janeiro ter sido numa sexta-feira e, consequentemente, um final de semana prolongado. Mesmo assim, com o intuito em minimizar o problema, a equipe da nova administração procedeu intervenções para preservar a vida dos pacientes.

No dia 1º, feriado de ano novo, a equipe já agilizava com relação às ações imediatas. Com a nova equipe de secretários efetivada por intermédio das nomeações efetuadas pelo novo prefeito, José Aparecido Mendes Santos, os trabalhos avançaram no final de semana prolongado e, inclusive, em contato com as empresas para garantir a restauração do serviço prestado, considerando que o compressor da rede de oxigenação não estava funcionando devidamente o que comprovava que havia o vazamento.

O reparo tem sido feito durante esta semana. Nesse período houve a transferência de alguns pacientes da UTI para unidade hospitalar na cidade de Montes Claros diante da necessidade da assistência médica e operacional adequadamente. Outros pacientes permaneceram na unidade hospitalar em Janaúba dentro dos cuidados médicos.

Para o secretário de Saúde de Janaúba, o momento é de reflexão e de conscientização de todos a se prevenirem para não precisarem recorrer à rede hospitalar que se encontrava comprometida e com dificuldade de atenção aos pacientes. “Estamos atendendo com todas as dificuldades. Prestando o serviço adequado. Os médicos, os enfermeiros, os técnicos, todo o grupo de trabalho do Hospital Regional estão trabalhando intensamente para garantir uma assistência adequada".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

GOVERNADOR ANUNCIOU NESTE SÁBADO A INCLUSÃO DO NORTE DE MINAS NA “ONDA ROXA”: AÇÃO CONTRA A COVID