VEREADOR QUER IMPEDIR FOTOS E VÍDEOS NOS TEMPLOS RELIGIOSOS: NORTE DE MINAS

  • Nos anos 40, Câmara de Montes Claros aprovou projeto que proibia os cachorros de latir depois das 10h da noite 

MONTES CLAROS (por Girleno Alencar) – A Câmara Municipal tem mais um projeto polêmico pela frente: o vereador Elair Pimentel, do MDB e que é pastor evangélico, apresentou um projeto que pretende impedir fazer fotografias e vídeos dentro dos templos religiosos em Montes Claros, em projeto que suscitará muita discussão. A sua iniciativa está constrangendo vários vereadores, que entendem ser um assunto causador de desgastes, pois caso o projeto seja aprovado, o Poder Público está entrando em cenário religioso.

Normalmente, quando ocorre algum casamento ou batizado, os profissionais da fotografia e filmagem já exercem seu papel com aval do padre ou pastor. Na última sexta-feira, dia 4 de setembro, a assessoria do Pastor Elair alegou que ele estava em visitas e não pode ser localizado.

As aberrações jurídicas nos projetos da Câmara Municipal têm causado constrangimentos: na década de 40, foi aprovado projeto de lei que proibia os cães de latir depois das 22 horas. Porém, esqueceram-se de combinar com os animais.

No ano de 2011 aprovaram a criação do Dia da Consciência Negra, ferindo a lei que delimita a quantidade de feriados municipais. No mês passado aprovaram uma emenda para que a Prefeitura de Montes Claros concedesse aumento para os servidores municipais, quando a Lei 173/2020 impede essa medida em 2020 e 2021. (Fonte: jornal Gazeta Norte Mineira)

Comentários

Unknown disse…
Tanta coisa pra se importar!!! Cada projeto doido! Deveriam aprovar a diminuição do
salário (80%) a menos! 🎃

Postagens mais visitadas deste blog

POSSÍVEL IMAGEM DE NOSSA SENHORA NA SERRA ATRAI CENTENAS DE PESSOAS TODOS OS DIAS À VERDELÂNDIA

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA