GOVERNO ACEITA PEDIDO DO SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE JANAÚBA PARA QUE A PREFEITURA RECONHEÇA A LEGALIDADE DA ENTIDADE QUE ATUA HÁ 30 ANOS

  • Órgão do Ministério da Economia deferiu solicitação pelo registro sindical do Sindijana, entidade que representa todos os funcionários da Prefeitura de Janaúba 
  • Com isso o Sindicato permanecerá em luta pelos direitos dos servidores. “Agora com mais força representativa” 
  • Diretoria do Sindijana articula, desde ontem, dia 30, para que seja revogada a demissão de mais de 200 servidores da prefeitura 
Foto Sindijana
Marilea Barbosa, presidente do Sindijana, durante reunião em defesa dos direitos dos servidores da Prefeitura de Janaúba: março de 2018.

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Janaúba (Sindijana) obteve nesta semana a conquista pelo reconhecimento da sua legalidade em representar a categoria. Em plena atividade há 30 anos, o sindicato vinha há cinco anos enfrentando a contestação por parte do executivo municipal em ser o legítimo representante dos funcionários que atuam pela prefeitura.
Tem sido uma luta árdua da diretoria do Sindijana para que a legalidade sindical da entidade fosse prevalecida. Em nota, o sindicato ressalta que houve ameaças de encerramento das atividades por parte dos gestores, mas que isso foi vencido através de transparência e recursos administrativos e judiciais vitoriosos.
E isso foi comprovado na manhã dessa quinta-feira, dia 30 de abril, ocasião em que o Ministério da Economia se posicionou favorável ao sindicato que tem sido atuante nos últimos 30 anos na defesa dos direitos dos servidores da prefeitura. Em comunicado à presidente do Sindijana, Marilea Barbosa Ribeiro, e também à advogada Patrícia Dutra, que é assessora jurídica da entidade, a Coordenação Geral de Registro Sindical, órgão do Ministério da Economia, informava sobre o deferimento do Registro Sindical do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Janaúba.
Uma vitória da entidade que, nos últimos anos, se via diante de uma “briga” travada pelo executivo municipal. “Foram dias de luta, ansiedade e lágrimas”, menciona a atual diretoria que comanda o sindicato há cinco anos e tendo como plano de trabalho justamente o registro sindical. Mas, os dirigentes não esperavam que as divergências com a prefeitura tivessem grande dimensão. “Nunca desistimos. Juntamente com a nossa equipe de diretores, com a assessoria jurídica e a confiança dos associados, lutamos com esperança e fé para que esse objetivo do registro sindical fosse concretizado. Isso era mais do que justo”, comentou a presidente Marilea Barbosa.
Com o reconhecimento pelo governo federal do registro sindical o Sindijana permanecerá em luta pelos direitos dos servidores. “Agora com mais força representativa”, expressou a diretoria em nota. Uma vitória obtida na véspera do Dia do Trabalhador.
No entanto, a diretoria do Sindijana não pode comemorar com veemência o aceite por parte do Ministério da Economia, através da Coordenação Geral de Registro Sindical, do deferimento do registro sindical da entidade janaubense. É porque no exato momento em que o órgão governamental informava sobre a decisão favorável, a diretoria do Sindijana articulava ações visando a manutenção de servidores públicos que, ontem, teriam sido demitidos das suas funções pela atual administração da Prefeitura de Janaúba. Foram mais de 200 trabalhadores dispensados, sendo a maior parte (num total de 196) da área de Educação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

GOVERNADOR ANUNCIOU NESTE SÁBADO A INCLUSÃO DO NORTE DE MINAS NA “ONDA ROXA”: AÇÃO CONTRA A COVID