CÂMARA DE JANAÚBA ALTERA O PROJETO PARA QUE O HOSPITAL DA FUNDAJAN SEJA CONTEMPLADO COM RECURSO

  • Com essa alteração, o Hospital e Maternidade da Fundajan receberá R$ 450 mil 
  • O Hospital Regional de Janaúba receberá R$ 1,2 milhão 
  • A Secretaria Municipal de Saúde ficará com R$ 804 mil 
  • O Hospital do Rim será contemplado com R$ 77 mil 
Imagem Oliveira Júnior
Vereadores aprovam por 14 a 0 a inclusão do Hospital e Maternidade da Fundajan no recebimento imediato de parte, R$ 450 mil, do recurso de R$ 2,6 milhões para o enfrentamento no combate ao novo coronavírus.

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – “O prefeito já foi presidente daquela instituição (Fundajan). Sabe qual é a importância, sabe como funciona a instituição. Por quê agir dessa forma?”. Expressou o vereador Ramon Alexandre Araújo sobre o projeto de lei enviado à Câmara Municipal pelo prefeito no qual não assegurava recurso para a Associação de Associação Social de Janaúba (Fundajan), mantenedora do Hospital e Maternidade Sagrado Coração de Jesus, para o enfrentamento da Covid-19.
Na noite dessa sexta-feira, dia 8 de maio, os vereadores aprovaram por unanimidade a emenda ao projeto de lei garantido o aporte financeiro para o hospital da Fundajan que receberá R$ 450 mil por intermédio de subvenção social. No texto original do projeto ficariam reservados algo em torno de R$ 360 mil que poderiam ser para a associação via contratualização, uma modalidade que comprometeria o hospital o qual enfrenta dificuldades financeiras e, diante disso, não teria condições em preparar a unidade de saúde para o enfrentamento do novo coronavírus.
“Sabemos que os dois hospitais (o da Fundajan e o Hospital Regional) estão ‘sucateados’. Os dois hospitais atendem ‘sufocados’, já estão quase num colapso”, declarou o vereador Marcelo Alves Santos em defesa da destinação de recurso, via subvenção social, para o hospital e maternidade. O vereador Augusto Wagner de Jesus Costa frisou sobre a demonstração de uma possível disputa entre o prefeito e a diretoria da Fundajan, que, segundo ele, ocorre desde o ano passado. “Rezamos e pedimos ao secretário (de Saúde) e aos hospitais para que diminuem essa intriga e Janaúba caminhe de mãos dadas junto no combate ao coronavírus.
Aproveitando a presença do secretário municipal de Saúde na reunião, o vereador Adauri Soares Cordeiro pediu ao executivo que faça o mais rápido possível o repasse para as entidades contempladas com o recurso de R$ 2,6 milhões. “O senhor leve esse recado e cumpra. Porque ‘a coisa tá feia” na questão de saúde de Janaúba”, disse Adauri.
Com a emenda assinada e aprovada por todos os vereadores, houve diminuição no recurso destinado para a Secretaria de Saúde da Prefeitura, que agora ficará com R$ 804.016,00 ante os R$ 894.016,00 no projeto de lei apresentado pelo prefeito. Foi mantido o valor para o Hospital do Rim, R$ 77.785,62 e ainda R$ 1.096,22 para material de consumo.
Após a mobilização por parte da direção do hospital e maternidade Sagrado Coração de Jesus e publicações feitas pelo site do jornalista Oliveira Júnior e por outros meios de comunicação, os vereadores decidiram mudar o projeto de lei e definiram que haja o repasse imediato de recurso para o hospital da Fundajan no valor de R$ 450 mil.
O valor do recurso para o Hospital Regional foi mantido em R$ 1.267.143,40. O projeto de lei com a emenda deverá será encaminhado à prefeitura na segunda-feira, dia 11, com o intuito de que o chefe do executivo municipal sancione e transforme a proposição em lei efetuando os repasses o mais breve possível.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA