AEROPORTO DE JANAÚBA SERÁ INTERDITADO PELA ANAC A PARTIR DE JULHO E FICARÁ FECHADO POR 9 MESES: SERÁ A SEGUNDA VEZ QUE ISSO ACONTECE EM UM ANO E MEIO

  • Medida é em virtude de o operador do aeroporto local não responder aos questionamentos da Anac sobre as condições mínimas da infraestrutura do aeródromo de Janaúba
  • Pilotos de avião em Janaúba estão sendo informados que a interdição começará no dia 20 de julho e vai até o dia 20 de abril de 2021 
  • Em dezembro de 2018 a pista do aeroporto de Janaúba foi interditada pela Anac por falta de plano básico de zona de proteção: ficou quase 3 meses fechado 
Foto Oliveira Júnior
Aeroporto municipal de Janaúba foi interditado em 7 de dezembro de 2018 e será novamente fechado no dia 20 de julho de 2020.

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – O aeroporto municipal Mário Sena Braga, localizado no bairro Santa Terezinha, na cidade de Janaúba, na região da Serra Geral, no Norte de Minas, será interditado a partir do dia 20 de julho deste ano pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), conforme informação obtida com exclusividade pelo site do jornalista Oliveira Júnior. A pista de pouso desse aeroporto teria sido fechada pela agência no início de dezembro de 2018. (veja AQUI )
Os proprietários e pilotos de aeronaves que utilizam constantemente o aeroporto (na Anac a denominação é aeródromo) de Janaúba estão sendo comunicados sobre a nova restrição para pouso e decolagem na pista construída em 1990, ou seja, 30 anos atrás. A interdição inicial será por 180 dias (9 meses). Mas, há possibilidade do aeroporto de Janaúba ser excluído do sistema de controle de aviação caso a anormalidade não seja resolvida.
De acordo com informações obtidas pelo site do jornalista Oliveira Júnior, a motivação para a nova medida seria a falta de comunicação entre a agência de aviação civil e o responsável pelo aeroporto com relação às condições da infraestrutura do aeródromo (aeroporto) de Janaúba. Diante disso, os pilotos de avião estão sendo avisados com a antecedência mínima de dois meses sobre a vigência da interdição do local impedindo que a cidade de Janaúba fique de fora da rota de aviação civil, incluindo táxi aéreo.
SEM HOMOLOGAÇÃO DO AEROPORTO, DONOS DE AVIÃO PODEM SER MULTADOS SE POUSAR NA PISTA LOCAL
Os proprietários e pilotos de aeronaves estão empenhados no sentido de que tenha solução para evitar a interdição assim como em busca da outorga ou homologação do aeroporto de Janaúba, mesmo que na cidade não tenha voos comerciais. Com 30 anos em funcionamento, o aeroporto municipal de Janaúba não possui a homologação e isso tem causado transtornos, pois, segundo especialistas da área, a aeronave que realiza pouso fica sujeito a multa e perde a cobertura de seguro em caso de acidente. Isso sem considerar que a falta de homologação do aeroporto janaubense dificulta e até impede a concretizar de planos de voos.
INSTALADA CERCA, MAS O AEROPORTO PRECISA DE MANUTENÇÃO

Um funcionário da Prefeitura de Janaúba informou ao site do jornalista Oliveira Júnior, na noite deste domingo, dia 10, que algumas providências estão sendo tomadas. Segundo ele, foi implantado o cercamento no aeródromo. Contudo, cita que o aeroporto recebe, em média, 22 voos mensais, e necessita de manutenção, inclusive na recuperação da pavimentação da via de acesso ao aeroporto. Vale ressaltar que o comunicado da Anac sobre a interdição foi na sexta-feira, dia 8 de maio.
AEROPORTO DE JANAÚBA FOI FECHADO EM DEZEMBRO DE 2018
No dia 7 de dezembro de 2018 o aeroporto de Janaúba foi fechado. A medida, numa espécie de punição, teria vigência por sete meses. Conforme o Diretório de Aeródromos (Rotaer), Janaúba ficaria sem a utilidade do aeroporto até o dia 04 de junho de 2019. Isso ocorreu devido não ter apresentado o plano básico de zona de proteção. O aeroporto foi liberado em meados de fevereiro, quase três meses após ter sido interditado.
Com uma pista de 1.500 metros (um quilômetro e meio) de comprimento por 30 metros de largura, o aeroporto municipal de Janaúba foi construído na gestão do prefeito Aldimar (Dimas) Rodrigues (1989 a 1992) e do governador Newton Cardoso (1987 a 1990) e no mandato do deputado estadual Adelino Pereira Dias (1987 a 1990).

Comentários

claudio louzada disse…
O potencial de Janaúba e cidades do entorno já permitem uma linha aérea com aeronave de 50-70 passageiros. Mas, a infraestrutura aeroportuária precisa ser condizente com a moderna aviação regional. Pista básica e mínima de 1.600 metros de comprimento por 30m de largura (1.600 x 30m), resistência do piso asfáltico para suportar 33 toneladas. Hoje, não tem linha aérea porque não tem pista de pouso adequada. Não tem pista de pouso adequada porque não tem linha aérea. Quem irá acabar com o impasse? Saudações,

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

GOVERNADOR ANUNCIOU NESTE SÁBADO A INCLUSÃO DO NORTE DE MINAS NA “ONDA ROXA”: AÇÃO CONTRA A COVID