BOMBEIROS RESGATAM CACHORRA PRESA EM ARAME EM JANAÚBA E CONTAM COM GESTO VOLUNTÁRIO DE VETERINÁRIOS PARA RETIRAR PEDAÇO DE ARAME PRÓXIMO AO OLHO DO ANIMAL

Foto CB
O arame farpado ficou preso próximo ao olho da cachorra, que ficou presa numa cerca no residencial Clarita, em Janaúba, dia 27 de fevereiro de 2020.

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – Latido de dor e presa ao arame. Esse foi o drama vivido por uma cachorra na cidade de Janaúba nesta quinta-feira, dia 27 de fevereiro. Uma equipe do 6º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Janaúba foi ao local para realizar o resgate do animal. Isso foi no residencial Clarita, perto do bairro São Lucas.
Ao chegar ao local, o Sargento Layon Freitas e o Cabo Eric Henrique, ambos do Bombeiro Militar de Minas Gerais, depararam com a cena preocupante. Pois, o animal corria o risco de ficar cego. A cachorra estava presa a uma cerca de arame farpado. Parte do arame ficou retiro na região frontal perto do olho.
Foto CB
Os Bombeiros Militares Sargento Layon e Cabo Eric com a dona da cachorra e a veterinária Larissa Mota, como animal no colo.

A situação era delicada. Momento de acalmar a cachorra para que a mesma não ficasse agitada. Os bombeiros temiam que o animal canino mexesse com as patas e com isso o arame preso perfurasse o globo ocular. O procedimento foi separar o animal da cerca.
Foto CB
Os veterinários Larissa Mota e Daniel Bernardo, Cabo BM Eric e a dona da cachorra.

Em seguida, o Sargento Layon e o Cabo Eric foram em busca de assistência veterinária. A dona do animal também acompanhou os bombeiros no resgate e no deslocamento para uma clínica especialista em caninos. Houve o contato com a Associação de Resgate e Cuidados de Animais (Arca) a qual encaminhou o caso para a Clínica Veterinária CentroVet, onde os veterinários Larissa Mota e Daniel Bernardo de maneira voluntária se prontificaram em realizar o procedimento cirúrgico.
Os profissionais veterinários prestaram a assistência gratuita. Aplicaram anestesia na cachorra e retiraram o pedaço de arame que teria ficado preso próximo ao olho do animal. Após o procedimento cirúrgico e a colocação de colar para evitar que a cachorra toque na região afetada pelo arame, o animal foi entregue à dona.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

TENTATIVA DE ASSASSINATO NA CIDADE DE JANAÚBA NESTA SEXTA-FEIRA