SINDICATO ATENDE AO PEDIDO DOS ASSESSORES DO PREFEITO DE JANAÚBA E AGUARDA POR 48 HORAS DEFINIÇÃO SOBRE O PAGAMENTO DE JUNHO AO FUNCIONALISMO

Se o compromisso não for cumprido, greve dos servidores da Prefeitura de Janaúba poderá começar na quinta-feira, dia 12 de julho


JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – A poucas horas de iniciar uma nova greve dos funcionários públicos, a assessoria do prefeito de Janaúba convocou uma reunião com a direção do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindijana) em busca de uma negociação. A reunião foi no final na tarde de ontem, segunda-feira, dia 9 de julho.
Na semana passada, a entidade que representa os funcionários da Prefeitura de Janaúba havia dado um ultimato ao prefeito que, caso não efetuasse o pagamento da folha de junho até ontem, haveria uma paralisação das atividades a partir de hoje, terça-feira, 10.
Os representantes do funcionalismo público municipal ouviram dos assessores da área administrativa, jurídica e educação o argumento de que vem ocorrendo demora no repasse de recurso ao executivo municipal e, diante disso, solicitaram um prazo de 48 horas para tentar quitar a folha salarial de junho.
A diretoria do Sindijana decidiu por aguardar o prazo proposto pela atual administração, contudo sem suspender o indicativo de greve. De acordo a direção da entidade classista, o prazo acaba no final da tarde de amanhã, quarta-feira, dia 11. Se não houver uma decisão favorável ao funcionalismo público que reivindica o cumprimento da lei, é possível que a partir de quinta-feira, dia 12, os servidores de vários setores da prefeitura de Janaúba paralisem as atividades, conforme ficou evidenciado pela diretoria do Sindicato dos Servidores.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA

ASSASSINATO EM JANAÚBA: VÍTIMA MORREU AO SER ATINGIDA POR GOLPE DE FACA