MÃE DE CRIANÇA QUEIMADA NA CRECHE DE JANAÚBA TEM DIFICULDADE PARA ACOMPANHAR O FILHO INTERNADO HÁ DOIS MESES EM BH

Esposo abandonou o serviço para acompanhar o filho no hospital e paga do próprio bolso pelo transporte até o abrigo


“Uma amiga pegou a minha roupa para lavar”, desabafou Vanderléia que fica a maior parte do dia no hospital acompanhando o filho

Vereadores pressionam essa situação e querem menos burocracia na liberação de recursos para ajudar famílias das vítimas do incêndio


JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – “Esta semana estava sem roupa limpa para vestir. Mas, a amiga da ex-patroa da minha irmã pegou a roupa e levou para a lavanderia e depois a trouxe limpa”. Essa declaração é de Vanderléia que há dois meses acompanha o filho Gabriel Carvalho de Oliveira no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte. O menino é vítima do trágico incêndio na creche municipal Gente Inocente, fato ocorrido no dia 5 de outubro deste ano no bairro Rio Novo, em Janaúba.
Vanderléia praticamente mora no hospital. Em alguns momentos ela divide a vigília com o marido, este percorre a capital mineira num ônibus entre o hospital e o abrigo que lhe foi proporcionado. O transporte é custeado pelo esposo de Vanderléia ainda com a sobra do dinheiro após pedir demissão do emprego para ajudar a mulher no acompanhamento de Gabriel que teve parte do corpo queimado no incêndio.
O casal conta com o apoio da família em Janaúba que cuida do outro filho, um menino de 9 anos. Vanderléia sente falta do filho mais velho. “Se tivéssemos um lugar mais perto do hospital para ficar, traria ele”, disse Vanderléia em conversa com o presidente da Câmara Municipal de Janaúba, vereador Adauri Soares Cordeiro, nesta terça-feira, dia 5 de dezembro, em Belo Horizonte. Adauri e outros vereadores, dentre eles Jorge Santos Souza (Jorginho Paraguai), que foram à capital mineira para averiguar a situação dos familiares das três vítimas que ainda encontram hospitalizadas no João XXIII. Nessa unidade hospital estão duas crianças e uma funcionária da creche. Já na Santa Casa de Montes Claros tem duas crianças ainda sob os cuidados médicos.
De acordo com o presidente da Câmara é preciso que haja agilidade com relação à liberação de recursos para assistir as vítimas e as famílias das vítimas diante das necessidades que as mesmas enfrentam com relação ao tratamento.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

TENTATIVA DE ASSASSINATO NA CIDADE DE JANAÚBA NESTA SEXTA-FEIRA