MORRE O PROFESSOR E MÚSICO JANAUBENSE CLÉBER LEONY

Foto álbum pessoal
Cléber Leony em ação: arranjos musicais.
JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – Faleceu na noite de ontem, terça-feira, 13 de junho, o músico e professor Cléber Marques Leony, que morava em Janaúba onde instalou a loja e escola de música denominada de Pró-Música. Cléber teria feito recentemente um procedimento cirúrgico no coração e na noite de ontem faleceu em Montes Claros. O músico janaubense Cléber da pró-Música ensinou crianças, jovens e adultos a tocar e cantar.
Baiano de Salvador, o professor e músico Cléber Leony estava com 60 anos de idade. Ele era casado com a professora de canto e teclado Maria de Jesus Brito Leony. O talento familiar seguiu geração. Saulo Leony, filho de Cléber, é músico e aprendeu com o pai, em Janaúba. Há 10 anos, Saulo Leony está em Montes Claros seguindo os passos do pai que deixou a capital baiano para vir transferir os conhecimentos aos janaubenses e norte-mineiros. Além de Saulo, o casal Maria e Cléber Leony teve os filhos Allan e Lemuel.

Vídeo num dos momentos de ação do professor e músico Cléber Leony: regendo a banda de música do projeto social Adolescente Cidadão de Janaúba e de Nova Porteirinha.
Vários cantores e alunos receberam orientações de Cléber. Entre eles, o cantor Zé Mineiro, Curujito, a cantora Paula Gusmão que inclusive gravou a Ave Maria sob produção de Cléber Leony. Também pela regência desse baiano de nascença e janaubense de coração passou a dupla Beija Flor e Gel, pai e filho. Beija Flor faleceu na semana passada.
Foto álbum pessoal
O músico janaubense Cléber Leony deixa um legado de ensinamento.
O baiano Cléber Leony também contribuiu com a banda de música do projeto social Adolescente Cidadão de Janaúba e de Nova Porteirinha. Num desses trabalhos de incentivar as crianças e jovens a tocarem e cantarem, Cléber regeu a Valsa da Despedida tocada pelos jovens do projeto Adolescente Cidadão. Pelo estúdio e regência de Cléber também passaram os cantores janaubenses Cícero Billy Alves e Jackson Antunes, ator da TV Globo.
A voz de Cléber Leony quase não foi ouvida nessa sua missão em Janaúba e região, mas o seu talento com o seu gesto e ensinamento foram importantes para a composição de uma vida profissional de muitos músicos, parte deles estão aqui e em outros lugares exercendo justamente aquilo que Cléber Leony transferiu: encantar e alegrar através da música e dos instrumentos musicais.
VELÓRIO EM JANAÚBA
“Toda a comunidade da Igreja Presbiteriana de Janaúba lamenta a perda de um dos seus membros mais queridos. Conclama a todos a se unirem em oração por seus familiares e amigos”, menciona a nota expedida nesta manhã pela igreja.
O corpo do professor e músico Cléber Leony é velado na Igreja Presbiteriana, na avenida Brasil, 539, centro de Janaúba. Ás 15h30 haverá um culto fúnebre e o sepultamento será às 17h, no cemitério da Saudade, no bairro de mesmo nome, na cidade de Janaúba. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA