CAMPANHA DA CANDIDATA A PREFEITA MARILZA, EM NOVA PORTEIRINHA, TEVE PRESTAÇÃO DE CONTAS APROVADA PELO MP E JUSTIÇA ELEITORAL


NOVA PORTEIRINHA (por Oliveira Júnior) – A Justiça Eleitoral aprovou a prestação de contas da campanha de Marilza Pereira de Souza Mendes (PP), candidata a prefeita pelo município de Nova Porteirinha, em 2016. O Ministério Público também se posicionou favoravelmente quanto à arrecadação e aplicação de recursos financeiros utilizados na campanha de Marilza, a prefeita, e de Joanes Carlos Rocha Silva (PDT), o Carlinhos de Selveriano, candidato a vice-prefeito, na eleição de 2016.
Foto Oliveira Júnior
Ex-vice-prefeita Marilza Pereira Souza Mendes teve a prestação de contas da sua candidatura a prefeita aprovada pela Justiça Eleitoral.
Em sentença proferida na segunda-feira, 17 de abril, e publicada no Diário do Judiciário Eleitoral de Minas Gerais na terça-feira, dia 18 de abril, o Juiz Ériton José Sant'Ana Magalhães, da 147ª Zona Eleitoral da Comarca de Janaúba, a qual Nova Porteirinha pertence, aprovou a prestação de contas da campanha da chapa Marilza/Carlinhos.
JUSTIÇA DESAPROVOU CONTA DE CAMPANHA DO EX-PREFEITO
Das três candidaturas a prefeito por Nova Porteirinha, em 2016, duas obtiveram a prestação de contas de campanha aprovadas pela Justiça Eleitoral. A campanha do prefeito eleito Juracy Fagundes Jácome (PMDB) e do vice-prefeito Edésio Vital Neto (PSDB) teve a conta aprovada, ainda em 2016, pela Justiça.
Já agora em abril foram julgadas a prestações de contas de campanha de outras duas chapas. A campanha da candidata a prefeita Marilza Mendes e do candidato a vice, Carlinhos de Selveriano, teve a prestação de contas aprovadas pela Justiça. Já a campanha do candidato a prefeito Raul Alves da Rocha (PSB) e do vice Rafael Alex Martins Soares (PRB), segundo decisão da Justiça Eleitoral, teve a prestação de contas desaprovada. (confira EX-PREFEITO RAUL ALVES TEM CONTA REJEITADA PELA JUSTIÇA ELEITORAL E MINISTÉRIO PÚBLICO )
CANDIDATA FOI VICE DO EX-PREFEITO
A candidata a prefeita Marilza Mendes era, até então, a única liderança a vencer todas as eleições disputadas no município de Nova Porteirinha. Ela foi vereadora por três mandatos consecutivos e vice-prefeita eleita nas duas eleições seguintes. Marilza é a única mulher a vencer a eleição majoritária, apesar de ter sido vice-prefeita.
Na eleição do ano passado ela compôs chapa com um ex-colega de legislativo, o ex-vereador Carlinhos de Selveriano. Outra curiosidade é que no páreo pelo executivo municipal, Marilza disputou a simpatia do eleitorado de Nova Porteirinha com dois oponentes que, em outros tempos, foram seus companheiros de grupo político.
Na primeira eleição, em 1996, Marilza foi eleita vereadora pelo grupo que tinha o atual prefeito Juracy Fagundes, eleito em outubro de 2016, como candidato a vice-prefeito. Naquele ano, em 1996, o ex-prefeito Raul Alves teria sido eleito vice-prefeito. Em 2008, Marilza foi eleita vice-prefeita derrotando. Raul e Juracy eram seus adversários. Em 2012, Marilza se uniu a Raul, sendo a vice dele. Eles venceram. Mas, no ano passado se tornaram adversários políticos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA

ASSASSINATO EM JANAÚBA: VÍTIMA MORREU AO SER ATINGIDA POR GOLPE DE FACA