23º HOMICÍDIO EM JANAÚBA EM 2017: DOIS MENORES SÃO MORTOS NA ESTRADA DA BAIXA COLÔNIA

Número de assassinatos em Janaúba reduz, pois a Polícia Civil constatou que irmão agredido morreu devido a ataque cardíaco e, sendo assim, no Inquérito Policial não deverá ser inserido como homicídio

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – O crime violento que resulta em morte volta a ser registrado em Janaúba. Dois adolescentes foram mortos nesta quarta-feira, dia 26 de abril, na estrada de acesso à comunidade de Baixa da Colônia. Eles estavam numa motocicleta e foram atingidos fatalmente por disparos de arma.
Equipe da Polícia Militar está no local, para onde a perícia da Polícia Civil segue para apurar mais informações acerca dessa violência. Ainda não há informação sobre essas duas vítimas, o motivo e a autoria do duplo homicídio.
PC DEFINE QUE IRMÃO NÃO MATOU IRMÃO
Com a morte desses dois adolescentes nesta quarta-feira sobre para 23 o número de assassinatos em Janaúba, este ano, conforme levantamento do site do jornalista Oliveira Júnior. A quantidade seria 24, no entanto, a morte por crime violento neste município recua em um fato.
Isso porque, conforme informações repassadas pela Polícia Civil ao site do jornalista Oliveira Júnior, a morte de um homem no último domingo, dia 23 de abril, num sítio em Janaúba, não foi considerada como homicídio. Em princípio, de acordo com nota da Polícia Militar, seria um assassinato (confira AQUI). Entretanto, após análise pericial, a Polícia Civil concluiu que a morte do homem teria sido por ataque cardíaco.
Com base nessa informação da Polícia Civil, desconsiderando a morte violenta, o número de homicídios em Janaúba, em 2017, atinge a marca de 23, o correspondente a 57% dos 40 assassinatos registrados nos 12 meses do ano passado, neste município.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POSSÍVEL IMAGEM DE NOSSA SENHORA NA SERRA ATRAI CENTENAS DE PESSOAS TODOS OS DIAS À VERDELÂNDIA

ACIDENTE NA MG-401, PERTO DE JANAÚBA; UMA PESSOA MORREU E OUTRA FICOU FERIDA: CAMINHÃO TOMBOU

SISTEMA DE SAÚDE VERIFICA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS EM JANAÚBA